Certificado de Qualidade

Central de Atendimento: (14)3202-6373

Exames

/ limpar busca
  • T3L –T3 LIVRE

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • T4 LIVRE – TIROXINA LIVRE

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • T4 – TIROXINA

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório  

  • TESTE DE PATERNIDADE

    O teste é utilizado para a identificação do pai biológico de um individuo pela análise do DNA.

     

    O exame é realizado apenas na unidade Nossa Senhora de Fátima, com agendamento prévio.

    Maiores informações pelo telefone: 3202-6373  - WhatsApp – 98178-0701

     

  • TESTE DE PATERNIDADE

    O teste é utilizado para a identificação do pai biológico de um individuo pela análise do DNA.

    O exame é realizado apenas na unidade Nossa Senhora de Fátima, com agendamento prévio.

    Maiores informações pelo telefone: 3202-6373  - WhatsApp – 98178-0701

     

  • TESTE DE SIMS- HUNHER (PÓS COITO)

    Material: Esperma no canal cervical

    Preparo do Paciente: A paciente e seu companheiro devem abster-se de relações sexuais 2 a 5 dias antes do teste; Antes da relação sexual recomenda-se urinar. Não será possível urinar e evacuar após e até que seja realizada a coleta.

    Dia adequado para a coleta: Metade do ciclo, ou seja, período ovulatório (definido juntamente com o médico). Após o coito deita- se de costas por 30 minutos com os joelhos dobrados  e as coxas levantadas para evitar a perda do sêmen. Use papel higiênico ou absorvente. Dirija-se ao laboratório para o teste  após o períodop de 30 minutos até no máximo 3 horas após a relação sexual ou de acordo com as instruções médicas.

    Observação: Até o procedimento da coleta, a paciente deverá permanecer em repouso.

    É necessário fazer o agendamento prévio para coleta. Ligar no telefone 3202-6373 / 3202-6774, ou enviar foto do pedido médico, carterinha do convênio e documento com foto para realização do agendamento pelo whatsapp 98178-0701, ou dirigir-se a unidade na Av. Nossa Senhora de Fátima, 20-46, das 07h às 18h.

    *A coleta deste exame somente na unidade N.S.Fátima.

    Horário de coleta:

    Segunda a sexta-feira

    07h às 13h

    14h às 15h  

    Sábado:

    07h às 10h

  • TESTE DE TRIAGEM PARA DROGAS DE ABUSO

    Coleta deve ser realizada no laboratório, pois deve ser obrigatoriamente assistida, para a realização do exame é necessário apresentação de documento com foto e para menores de 18 anos estar acompanhado do pai ou responsável

    - Detecção após exposição:  - Anfetaminas: de 3 horas até 2 dias  - Canabinoides: após exposição aguda de 1 até 3 dias  - Cocaína: de 4 horas até 4 dias  - Opiaceos: de 1 até 3 dias 

  • TESTE DO PEZINHO PLUS

    O teste do pezinho pode ser realizado a partir do 3º ao 30º dia do nascimento da criança. Entretanto o teste apresentará maior eficácia, sendo feito entre 3º e 7º dia de vida do Recém nascido.

     

    Jejum: não obrigatório

    Prazo de realização: 10 dias

     

    O teste do pezinho é uma das principais formas de diagnosticar seis doenças que, quanto mais cedo forem identificadas, melhores são as chances de tratamento. São elas:

    - Fenilcetonúria.

    -Hipotireoidismo Congênito.

    - Doença Falciforme e outras Hemoglobinopatias.

    - Fibrose Cística.

    - Deficiência de Biotinidase.

    - Hiperplasia Adrenal congênita.

     

    Testes realizados:

    17 HIDROXIPROGESTERONA

    PKU – FENILALANINA

    T4 - TIROXINA

    TSH - TIREOTROFINA

    TRIPSINA

    AMINOACIDOS

    HEMOGLOBINOPATIAS

    BIOTINIDASE

    GALACTOSE

    TOXOPLASMOSE IgM

     

    Nota: Caso o recém-nascido tenha recebido transfusão sanguínea, recomenda-se aguardar, no mínimo 120 dias para a coleta da triagem neonatal para hemoglobinopatias e galactosemia (particularmente G1FUT). Sugere-se aguardar, no mínimo, 10 dias para biotinidase,  Tripsina, TSH e fenilalanina. Para os demais analíticos, o tempo ideal para a coleta não está bem estabelecido e deve-se colher conforme a orientação médica.

  • TESTE IMUN. GRAVIDEZ – URINA

    Material: Urina recente

    Preparo do Paciente: Coletar o Jato médio da 1ª urina da manhã.

    Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local antes da coleta, desprezar o primeiro jato urinário.

     

  • TESTE PEZINHO AMPLIADO

    O teste do pezinho pode ser realizado a partir do 3º ao 30º dia do nascimento da criança. Entretanto o teste apresentará maior eficácia, sendo feito entre 3º e 7º dia de vida do Recém nascido.

     

    Jejum: NÃO OBRIGATÓRIO

    Prazo de realização: 10 dias

     

    O teste do pezinho é uma das principais formas de diagnosticar seis doenças que, quanto mais cedo forem identificadas, melhores são as chances de tratamento. São elas:

    - Fenilcetonúria.

    -Hipotireoidismo Congênito.

    - Doença Falciforme e outras Hemoglobinopatias.

    - Fibrose Cística.

    - Deficiência de Biotinidase.

    - Hiperplasia Adrenal congênita.

     

    Testes realizados:

    17 HIDROXIPROGESTERONA

    PKU – FENILALANINA

    T4 - TIROXINA

    TSH - TIREOTROFINA

    TRIPSINA

    AMINOACIDOS

    HEMOGLOBINOPATIAS

     

    Nota: Caso o recém-nascido tenha recebido transfusão sanguínea, recomenda-se aguardar, no mínimo 120 dias para a coleta da triagem neonatal para hemoglobinopatias e galactosemia (particularmente G1FUT). Sugere-se aguardar, no mínimo, 10 dias para biotinidase,  Tripsina, TSH e fenilalanina. Para os demais analíticos, o tempo ideal para a coleta não está bem estabelecido e deve-se colher conforme a orientação médica. 

     

  • TESTE TOXICOLÓGICO

    Este exame é destinado APENAS para renovação de CNH.

    O exame toxicológico em cabelo ou pelo determina a presença de vestígios metabólicos de substâncias narcóticas e estimulantes (drogas), que se depositam nos fios de modo cumulativo após o consumo. O bulbo capilar é ricamente vascularizado e a incorporação dos metabólitos das drogas acontece a partir da exposição das células da matriz capilar, através da corrente sanguínea. O período do crescimento do cabelo é em média de 1 cm ao mês, equivalendo ao período de 30 dias de janela de detecção, ou seja, para o exame contemplar de 90 a 120 dias de sensibilidade, necessita-se no mínimo de 4 cm de cabelo, sendo esta informação imprescindível para a definição do local de coleta. Caso não tenha o comprimento para abranger este tempo de detecção, a coleta deverá ser direcionada para pelos corporais, sendo a quantidade necessária equivalente a uma bola de algodão com 2 cm de diâmetro. Drogas testadas: Anfetaminas (Anfetamina, Mazindol, Femproporex e Anfepramona)  Anfetaminas ilegais (MDMA - Ecstasy, MDA)  Metanfetaminas (MA-Metanfetamina)  Maconha (Carboxi-THC ) Cocaína(Cocaína, Benzoilecgonina, Cocaetileno, Norcocaína) Opiáceos (Codeína, Morfina, Heroína)

     

  • TESTOSTERONA BIODISPONIVEL

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TESTOSTERONA LIVRE

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TESTOSTERONA TOTAL

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TGO – ASPARTATO AMINOTRANSFERASE (AST)

    Material: Sangue

    Preparo do paciente: Jejum não obrigatório  

  • TGP – ALANINA AMINOTRANSFERASE (ALT)

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TIPAGEM SANGUINEA E RH - ABO

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TIREOGLOBULINA

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TOXOPLASMOSE IGG, SOROLOGIA

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório

  • TOXOPLASMOSE IGM, SOROLOGIA

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório  

  • TRANSFERRINA TOTAL

    Material: Sangue

    Preparo do paciente: Jejum não obrigatório 

  • TREPONEMA PESQUISA – SECREÇÃO

    Material: Exsudato da lesão

    Preparo do paciente: Preferencialmente não estar em uso de antimicrobiano  

  • TRIGLICERIDEOS

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Com ou sem jejum

  • TSH – ULTRASENSIVEL

    Material: Sangue

    Preparo do Paciente: Jejum não obrigatório  

  • URC – CULTURA DE URINA

    Material: Urina Recente

    Volume mínimo: 10,0 ml

    Preparo do Paciente: De preferência fazer a coleta no laboratório. Coletar o jato médio

    da 1ª urina da manhã ou 2 horas após a última micção e após prévia antissepsia local conforme orientação abaixo:

    Higiene:

    Mulher: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão;

    Homem: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão.

     

    Urina 1º Jato: Colher no máximo 5mL

    Mulher: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão;

    Homem: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão.

     

    Micção involuntária: saco coletor – trocar o saco coletor de ½ em ½ hora, repetindo a antissepsia a cada troca do coletor

     

    Sonda:

    Mulher: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão;

    Homem: Lavar as mãos e fazer uma antissepsia local com água e sabão.